Escoteiros do Brasil apresentam Relatório Anual de 2021

24 abril 2022

Mesmo em ano pandêmico, Movimento Escoteiro no Brasil atingiu mais de 62 mil associados, entre jovens e adultos

O distanciamento social imposto pela pandemia manteve muitas Unidades Escoteiras Locais apenas com atividades online. Jovens e voluntários enfrentaram um longo período longe de fogueiras, acampamentos e amigos nesse que foi o pior período da nossa história institucional. Ainda assim, mais de 41 mil jovens e 21 adultos voluntários fizeram nosso movimento seguir forte e pujante Brasil afora.

Com o tema anual Transformar para Crescer, o Movimento Escoteiro se reinventou e se apresentou como uma forma de fazer do mundo um lugar melhor, adaptado ao novo normal. Além de embalar o ano dos Escoteiros do Brasil, o Transformar para Crescer também foi o projeto de apoio e suporte às Unidades Escoteiras Locais para a retomada das atividades presenciais. 

Em uma plataforma inteiramente digital, protocolos, documentos de apoio, webinários e fichas de atividades foram disponibilizadas para um retorno seguro para todos. Nesse contexto, criamos em 2021 a Medalha e o Pin da Perseverança, a fim de reconhecer e estimular a participação efetiva dos jovens e adultos que acompanharam a nossa instituição durante esse período tão atípico na história mundial.

O lançamento do Nós – Clube de Vantagens dos Escoteiros do Brasil e do Programa de Apadrinhamento, juntamente com outros documentos e materiais de apoio foram destaques no ano que passou. Bem como a atualização do Projeto Educativo dos Escoteiros do Brasil, cujo processo iniciado ainda em 2019, resultou em uma proposta de atualização relevante e equilibrada voltada para o crescimento do Escotismo.

Atentos também aos desafios atuais e preocupados com o futuro, lançamos a Tribo da Terra, uma iniciativa educacional a nível mundial desenvolvida em parceria com a Organização das Nações Unidas, o Fundo Mundial para a Natureza (WWF) e o programa Solafrica, que prevê três novas insígnias para o Movimento Escoteiro: a Campeões da Natureza, a Reduzir, Reciclar, Reutilizar e a Escoteiros pela Energia Solar. 

Mesmo em meio a tantos desafios, muitas Unidades Escoteiras buscaram novas alternativas para seguir realizando atividades escoteiras e, mais do que nunca, foi importante reconhecer todos esses esforços. Das 1.400 Unidades Escoteiras registradas no ano de 2021, 55% foram certificadas no grupo padrão 2021/2022, e destas, aproximadamente 32% reconhecidas no nível Ouro, 12% no nível Prata e 56% Bronze.

Dentre todos os feitos no ano de 2021, nosso destaque vai especialmente para o reconhecimento do Selo Doar A+, certificação que assegura aos doadores externos a credibilidade e seriedade do trabalho dos Escoteiros do Brasil. Pelo segundo ano consecutivo, também estivemos dentre as 100 melhores ONGs do país e, como se não bastasse, fomos escolhidas pelo Instituto Doar e o Prêmio Melhores ONGs como a Melhor ONG de Educação do Brasil! 

Como escoteiros, fomos levados ao nosso limite em 2021 durante a pandemia. Estar em casa, isolados e distantes da natureza, foi atípico e desfavorável para o Escotismo. Mas juntos, pudemos mostrar a força e a capacidade de renovação que, há 100 anos, mantém o Escotismo como um dos movimentos educacionais mais relevantes do mundo. Estamos prontos e, com a retomada das atividades presenciais, nos encontraremos de volta à nossa natureza em 2022.

Clique aqui para conferir o relatório anual na íntegra.

Skip to content