Com o aumento dos índices de vacinação, retomada de atividades presenciais ganha força

2 agosto 2021

Retorno ao espaço físico das UELs deve levar em consideração os índices de vacinação no município e os protocolos dos Escoteiros do Brasil

Com a vacinação acelerada e atingindo cada vez mais pessoas em todo o país, muitos grupos escoteiros estão gradativamente retornando às atividades presenciais seguindo todas orientações dos órgãos de saúde. Atentos a esse cenário, os Escoteiros do Brasil reforçam também os protocolos e medidas de segurança exigidas pela nossa instituição nesta retomada da vida escoteira ao ar livre.

O Transformar para Crescer foi desenvolvido especificamente para este momento de retomada pós vacinação. Por isso, o site do projeto possui inúmeros materiais com o objetivo de direcionar adultos voluntários e dirigentes na reorganização das Unidades Escoteiras Locais. Além do protocolo de retorno com orientações e diretrizes, disponibilizamos também fichas de atividades presenciais com normas de prevenção à Covid-19, guias financeiros e de mobilização de recursos, conteúdos de apoio à comunicação, entre outros materiais essenciais para que sigamos sendo um ambiente seguro para todos.

Uma iniciativa que merece nosso reconhecimento partiu do Escritório Regional de São Paulo, que produziu vídeos com orientações detalhadas de todos os procedimentos para um retorno seguro às atividades presenciais. Cada um dos vídeos possui uma linguagem específica com o objetivo de atingir a todos, do Ramo Lobinho ao Ramo Pioneiro, escotistas e também dirigentes responsáveis pelas Unidades Escoteiras Locais. 

Se a região do seu Grupo Escoteiro está com índices de vacinação positivos, os Escoteiros do Brasil encorajam o retorno às atividades presenciais com o devido cumprimento de todas medidas de segurança estabelecidas pelos documentos oficiais da Instituição e dos órgãos de saúde municipais, estaduais, federais e internacionais. Para que isso aconteça da melhor forma, os escoteiros de São Paulo compartilham com jovens, escotistas e responsáveis algumas dicas elaboradas a partir dos protocolos de retorno dos Escoteiros do Brasil: 

  • Realize as atividades ao ar livre sempre que possível, mantendo o distanciamento seguro de pelo menos 1,5 metro entre os jovens, sem contato físico, a não ser em casos de emergência;
  • Utilize máscaras de proteção durante toda a atividade, seja ela ao ar livre ou em sede, e tenha sempre uma outra máscara reserva e um frasco de álcool em gel para higienizar as mãos na sua mochila;
  • Antes de sair para a atividade, preencha com seu responsável um checklist sobre o seu estado de saúde e quaisquer tipo de sintomas que você possa ter experimentado recentemente em relação à Covid; 
  • Leve seus próprios materiais para a atividade. Isso inclui: lápis, papel, caneta, garrafa d’água, utensílios de cozinha caso haja necessidade, e outros materiais requisitados pelos chefes da sessão; 
  • Separe momentos da atividade para que os jovens possam realizar a higiene das mãos, com álcool em gel ou água e sabão e não autorize empréstimos ou compartilhamento de materiais; 
  • Caso apresente febre, tosse, nariz entupido, dor no corpo ou qualquer sintoma que se assemelhe aos da Covid-19, fique em casa em isolamento e não compareça às atividades escoteiras; 
  • Suspenda gritos de patrulha, jogos de contato ou qualquer outro tipo de manifestação que possa provocar disseminação intensa de partículas de saliva;
  • Disponibilize nas Unidades Escoteiras Locais álcool em gel, máscaras reservas, água, sabão e não esqueça de manter as salas ventiladas e de aferir a temperatura na entrada do grupo escoteiro.  

Recomendamos que alternativas como a realização de rodízio das seções escoteiras na utilização do espaço físico da UEL sejam levadas em consideração e reiteramos que jovens e escotistas que façam parte do grupo de risco ou convivam com pessoas que são parte do grupo de risco devem permanecer em casa até que os índices de vacinação do seu estado e município sejam seguros para o retorno à normalidade. 

Mais do que nunca, devemos nos unir para crescer e continuar fazendo nosso melhor possível na construção de um mundo melhor. Confira abaixo os vídeos dos Escoteiros de São Paulo da série de retorno às atividades presenciais.

Para assistir aos demais vídeos sobre o tema, clique no botão no canto superior direito, em “playlist”.
Skip to content